Conheça em detalhes o DRE e aprenda a montar o Demonstrativo da sua empresa

O DRE é um dos melhores e mais completos relatórios gerenciais para empresas

O tão querido e amado Demonstrativo de Resultado do Exercício, ou simplesmente DRE. Esse relatório é pedido por muitos, mas usado por poucos, infelizmente. Muitas empresas acompanham seu desempenho pela conta bancária, ou seja, se o saldo deste mês estiver maior do que do mês passado significa que teve lucro. Mas isso é um grande erro pois dessa forma você não sabe realmente de onde esse resultado, seja negativo ou positivo, está vindo. Então, se você realmente quer conhecer a lucratividade da sua empresa, esse é o relatório certo. 

Mas afinal, o que é o DRE?

O Demonstrativo de Resultado do Exercício (DRE) é um relatório que mostra o resultado líquido de um determinado período através dos custos e receitas da empresa. É um relatório gerencial muito completo, com informações cruciais para a sua empresa e é muito importante que você utilize ele para obter conhecimento mais amplo sobre o seu negócio e também para as tomadas de decisões. Por isso ele é muito utilizado e é umas das melhores ferramentas para análise empresarial. 

Porque ele é tão importante?

Ter esse relatório em mãos vai permitir que você tenha acesso rapidamente à diversas informações em um só relatório. Entre essas informações estão, total da sua receita, margem de contribuição, custos fixos e variáveis e também o lucro líquido. Essas informações poderão ser analisadas mensalmente, permitindo também fazer comparações com outros períodos. 

Veja quanta informação o DRE fornece

Nós sabemos que todo relatório precisa de informações concretas, mas o DRE em especial é um relatório que precisa de 100% do faturamento e despesas da empresa, ou seja, nada pode ficar de fora. Como são muitas informações algumas empresas ignoram alguns dados ou até mesmo desistem de utilizá-lo devido ao trabalho em reunir as informações e lançar numa planilha. A solução ideal é ter um ERP que ofereça o DRE gerencial, assim você terá muitas informações úteis em poucos segundos. 

Para você entender melhor o potencial do DRE, veja abaixo quantas informações esse demonstrativo lhe fornece e seguindo a sequência abaixo você mesmo pode montar o seu próprio DRE numa planilha caso seu ERP não forneça:

Total do faturamento (receita operacional bruta):

São todas as vendas relativas a atividade da empresa. Aqui você pode separar o seu faturamento e depois totalizar, exemplo: venda de mercadoria, venda de serviço, venda de produção e também recebimentos de juros.

Deduções de vendas:

O que é descontado do valor bruto das vendas como os impostos incidentes nas vendas. Neste totalizador também são lançadas as devoluções de vendas, cancelamentos e trocas.

Receita operacional líquida:

Aqui subtraímos a deduções incidentes no total do faturamento para obtermos a receita operacional líquida.

Custo da mercadoria vendida ou produção vendida (CMV ou CPV):

Qual foi o custo de toda mercadoria vendida no período, independente se você revende, produz ou presta serviços. Para quem produz, por exemplo, itens como embalagens utilizados no processo de fabricação do produto entram como CPV, caso uma embalagem seja utilizada para entregar o produto, essa embalagem vai entrar nas despesas de venda.

Lucro Bruto:

O lucro bruto é o seu lucro antes de deduzir as despesas operacionais da empresa. Você pega o valor da receita operacional líquida e diminui o custo de mercadoria vendida para obter o seu lucro bruto.

Despesas operacionais:

Também chamado de despesas administrativas, é o totalizador que agrupa todo o custo operacional da sua empresa. Aqui você também pode separar por algumas categorias, como despesas administrativas, vendas, salários e pró-labore. 

Resultado operacional bruto:

Neste totalizador é o resultado da subtração das despesas operacionais sobre o lucro bruto.

Encargos financeiros líquidos:

Esse totalizador informa qual o valor gasto com encargos oriundos de operações financeiras, ex: juros, taxas e rendimentos de aplicações. Ele é dividido em 2 subtotais, despesas financeiras e receitas financeiras e o seu resultado é receita menos a despesa. 

Receitas/Despesas não operacionais:

Caso a empresa venha a ter alguma receita ou despesa não relacionada a atividade da empresa, esses valores devem ser lançados aqui. Para ficar mais claro, vamos ao exemplo: digamos que a empresa possua um terreno, tinha um dinheiro parado e comprou esse terreno. A empresa é uma loja de móveis, ou seja, sua atividade não é comprar e vender terreno, então a despesa da compra, iptu e entre outras, referente ao terreno serão lançados aqui. E caso a empresa venda ou alugue esse terreno lançará a receita nesse item.

Resultado operacional antes IR e CSLL:

Esse resultado é o valor do lucro bruto menos os impostos incidentes sobre o lucro, como Imposto de Renda e Contribuição Social. Esses impostos são lançados em itens separados no DRE, um para o imposto de renda e outro para a contribuição social e depois é somando no totalizador Previsão para Impostos Sobre o Lucro.

Lucro líquido (Resultado Líquido do Período):

Aqui temos a grande informação buscada por todos, saber o real lucro líquido da empresa. Nesse item você terá a informação se a sua empresa está obtendo lucro ou prejuízo e qual o valor desse resultado.

Viu só quanta informação rica para você utilizar, e o melhor é que ele não exige conhecimento avançado para interpretá-lo. Saiba que existem muitos modelos de DRE, alguns são complexos, mas a grande maioria é muito intuitiva e de fácil interpretação. Outra parte interessante do DRE é que você pode adaptá-lo para o seu negócio, inserindo ou removendo itens de acordo com a sua necessidade, mas claro, se você não possui conhecimentos avançados tenha cuidado para não alterar a estrutura dele.

Uma dica legal é você colocar em cada item a porcentagem que ele representa sobre o seu faturamento. Isso é mais uma informação de análise rápida que você pode utilizar.

Para lhe ajudar a entender melhor e montar o seu próprio relatório, montamos uma planilha de DRE para você: Clique no link e faça o download.


Continue lendo